Edição: uma das etapas mais importantes da produção de vídeo

  • Home
  • /
  • Audiovisual
  • /
  • Edição: uma das etapas mais importantes da produção de vídeo
Edição: uma das etapas mais importantes da produção de vídeo
Audiovisual

Edição: uma das etapas mais importantes da produção de vídeo

Estilo de vídeo, programas de edição, equipamentos…. Saiba quais são as etapas da edição de vídeo que vão deixar sua produção muito mais atraente

Produzir vídeo requer tempo e dedicação, e o mercado tem fornecido grandes oportunidades para quem quer se tornar um profissional nessa área. Portanto, entender alguns conceitos, como funciona e quais instrumentos e plataformas utilizar para começar a edição de vídeo é o que nós vamos te mostrar. Tenha uma boa leitura!

Para entender mais sobre como fazer vídeos de qualidade é importante ficar por dentro de algumas expressões. Para te ajudar, separamos os termos comumente usados na produção de vídeos.

Briefing – Orienta o editor ao informar qual é o público-alvo, objetivo e o problema a ser resolvido com o vídeo. Ele é o eixo norteador de toda a criação.

Casting – É o elenco selecionado para atuar no vídeo.

Roteiro – É um dos pontos mais importantes. Ele guiará seu projeto e deve conter uma curta descrição das cenas, cenário, posicionamento de câmera, reação das personagens, iluminação etc. Existem alguns softwares que podem te ajudar com isso.

Efeitos visuais – É a técnica utilizada na edição ou produção de imagens.

Efeitos sonoros – É a criação ou a manipulação de sons que realçam a obra.

Renderização – É o processo no qual há a compilação do produto bruto para a obtenção do produto final. É o tratamento digital dos sons, imagens, legendas, todos os recursos usados no vídeo. Aplica-se esse processo no momento em que se quer fazer uma prévia ou quando o projeto está terminado.

Existem muitos outros termos e expressões, que vão se tornar mais familiares à medida que você for se aprofundando no assunto.

O que é a edição de vídeo?

Uma das etapas mais importantes da produção de um vídeo é a edição. Esta etapa torna o conteúdo visual atrativo. Nela você consegue corrigir problemas e dar efeitos visuais e audiovisuais que fazem o seu vídeo ficar perfeito. Ainda é possível fazer os ajustes de cor, luz, corte e filtros. Claro, que você pode apresentar seu conteúdo sem nenhuma edição, porém a qualidade não será a mesma. A qualidade do vídeo depende desta etapa.

Como começar

Não é preciso ser um expert para tornar o vídeo mais fascinante. É importante ser criativo, talentoso e escolher as ferramentas e softwares que vão te dar aquela força na hora de produzir seu trabalho.

O ponto de partida de toda produção deve ser o planejamento. Planejar vai te fazer perceber o que é prioridade no seu vídeo, qual é o assunto, o público e quais os canais de veiculação. Vai te orientar também no formato, estilo e na escolha dos equipamentos mais apropriados.

Estilo de vídeo

O material audiovisual abrange formas de comunicação que são importantes para você atrair e envolver o público de maneira eficiente.

A disponibilidade de estilos é grande e o tipo mais adequado vai depender da sua estratégia. Vamos te mostrar alguns que são mais comuns:

Webinar – Recurso utilizado para interagir com seu público e esclarecer dúvidas, em forma de workshop, seminário ou palestra. É uma estratégia de marketing muito utilizada por empresas por intermédio de um software de videoconferência.

Vlog – É o registro em vídeo da sua vida ou o dia a dia da sua empresa (é um diário moderno). Nele você pode estreitar a relação com seu público ao mostrar seu estilo de vida ou um evento. Podem ser formais ou informais.

Tutoriais – Bastante populares nos canais do YouTube, este formato permite ao público entender o passo a passo de algo, seja maquiagem, manual de instrução ou serviço. É um estilo de vídeo muito legal para mostrar “como se faz”.

Vídeo case – Também conhecido como “case de sucesso”, é uma produção em forma de depoimento que apresenta a satisfação dos clientes com a eficiência do produto ou serviço de uma empresa.

Institucionais – Ideais para mostrar sua empresa ou marca. É muito eficiente para apresentar a organização, história, infraestrutura, produto ou serviço de sua empresa para clientes, parceiros ou funcionários.

As estratégias de comunicação são vastas e para definir qual o estilo a ser adotado você precisará ter em mente seu objetivo, seu público, a linguagem a ser usada e qual seu orçamento (certos formatos exigem mais recursos).

Formato de vídeo

São muitos os formatos de arquivos de vídeos. Cada um tem sua particularidade. Os mais usados são: AVI, MOV, WMV, MP4, 3GP, FLV, RMVB, dentre outros. A escolha do formato varia de acordo com seu interesse, equipamento e a plataforma que você utiliza. Mas você pode modificar seu arquivo em algum software de conversão.

Comece fazendo teste de programas gratuitos, que são mais intuitivos e quando se sentir pronto passe para programas profissionais (estes têm um custo, portanto não vale para quem está iniciando começar por eles).

Equipamentos

Para editar você deve descobrir qual sistema de software e hardware se adequa mais a sua necessidade. Para editar um vídeo simples você precisa apenas de um computador, tablete, celular ou smartphone.

Porém, se sua intenção é fazer uma produção elaborada, é essencial escolher os equipamentos certos. Alguns computadores possuem configurações que melhoram a qualidade do processo da edição de vídeo.

Caso o conteúdo a ser editado possua áudio, é importante ter um bom fone de ouvido ou sistema de caixa de som para ouvir ruídos de forma nítida. Pode ainda usar uma mesa digitalizadora tornar o processo mais ágil.

Principais programas de edição

O mercado disponibiliza diversos programas de edição, dos mais complexos aos mais simples. E não existe um padrão para escolher qual utilizar. Vai depender da sua adaptação, por isso experimente, faça testes e veja qual é o melhor. Procure por informações e tutorias, veja a opinião de profissionais da área. Se você está começando utilize programas grátis. Invista apenas quando sentir necessidade de fazer algo mais elaborado e lembre-se de respeitar seu orçamento.

Os programas mais populares são: Filmora, Cantasia, Adobe Premiere, Windows Movie Maker, Sony Vegas e iMovie. São muitas as opções e alguns programas pagos fornecem sua versão grátis para dar aquele gostinho.

Plataformas

Para alocar o vídeo produzido em um site, você vai precisar de uma plataforma. Cada uma tem sua especificação e tudo vai depender mais uma vez da sua precisão.

Você pode exportar seu vídeo para qualquer uma das plataformas a seguir: YouTube, Vimeo, Dailymotion, Facebook, Instagram, Vine e Sanap. São diversas opções e o seu objetivo é o que vai direcioná-lo para a plataforma correta. O que você precisa ter em mente é sempre onde está a sua audiência e o que você quer com seu projeto.

Hot Tip

Sabia que muitas pessoas e até mesmo empresas contratam profissionais em edição de vídeo? Se você tem paciência para assistir a vídeos longos e tem muita criatividade, curiosidade e intuição saiba que você pode fazer disso um negócio!

Esperamos que nosso artigo tenha te ajudado. Até mais.

prev
next

Enviar comentário

Chamar no Whats